Domingo, 15 de Outubro de 2006

Desordem no Tribunal

Estas são frases retiradas do livro «Desordem no Tribunal». São coisas que realmente foram transcritas pelos escrivãos em pleno tribunal.

P: Qual é a data do seu aniversário ? R: 15 de julho. P: Que ano? R: Todos os anos.

P: Essa doença, a "miastenia gravis", afeta sua memória? R: Sim. P: E de que modo ela afecta a sua memória? R: Eu esqueço das coisas. P: Você esquece... Pode dar-nos um exemplo de algo que você tenha esquecido?

P: Que idade tem o seu filho? R: 38 ou 35, não me lembro. P: Há quanto tempo é que ele mora consigo? R: Há 45 anos.


P: Qual foi a primeira coisa que o seu marido disse quando acordou naquela manhã? R: Ele disse, "Oh! onde estou, Berta?" P: E porque é que você ficou chateada? R: Porque eu chamo-me Susana...

P: O seu filho mais novo, ... o de 20 anos... R: Sim? P: Que idade é que ele tem?

P: Sobre esta fotografia sua... o senhor estava presente quando ela foi tirada?

P: Então, a data de concepção do seu bebé foi 8 de Agosto? R: Sim, foi. P: E o que é que você fez nesse dia?

P: Ela tinha 3 filhos, certo? R: Certo. P: Quantos eram meninos? R: Nenhum. P: E quantas eram meninas?

P: Sr. Wilson, porque é que o seu primeiro casamento acabou? R: Por morte do cônjuge. P: E por morte de qual cônjuge ele acabou?

P: Poderia descrever o suspeito? R: Ele tinha estatura mediana e usava barba! P: E era um homem ou uma mulher?

P: Aqui no tribunal, para cada pergunta que eu lhe fizer, a sua resposta deve ser oral, ok? - Que escola você frequenta? R: Oral.

P: Doutor, o senhor lembra-se a que horas é que começou a examinar o corpo da vítima? R: Sim, a autópsia começou às 20:30! P: E o sr. Dennis já estava morto a essa hora? R: Não... Ele estava sentado na maca, a perguntar porque é que eu lhe estava a fazer uma autópsia. P: Doutor, antes de fazer a autópsia, o senhor verificou o pulso da vítima? R: Não. P: O senhor viu a pressão arterial? R: Não. P: O senhor viu a respiração? R: Não. P: Então, é possível que a vítima estivesse viva quando a autópsia começou? R: Não. P: Como é que o senhor pode ter essa certeza? R: Porque o cérebro do paciente estava num jarro sobre a mesa. P: Mas ele poderia estar vivo, mesmo assim? R: Sim, é possível que ele estivesse vivo e estivesse a exercer Direito em algum lugar!!

P: "Você estava presente a este tribunal esta manhã quando fez o juramento?"

P: "Você tem filhos ou coisa do género?"

P: "Foi você ou seu irmão que morreu na guerra?"

P: "O que aconteceu depois?" "Ele disse-me: Tenho que te matar porque você pode identificar-me no tribunal." "E ele matou-o?"

P: "Então, doutor, não é verdade que quando uma pessoa morre durante o sono, na maioria dos casos ela o faz de maneira calma e não dá conta de nada até à manhã seguinte?"

publicado por saoloira às 20:53
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De D.Remédios a 21 de Outubro de 2006 às 04:10
Hahahahaha!!!
Esses tribunais açoreanos...o que se podia esperar.
(não habia nechechidade)
De bonecreiro a 10 de Novembro de 2006 às 21:53
podes acrescentar esta:...pergunta o juiz ao réu durante a sua identificação ...se tinha algum filho?O réu respondeu que tinha um.O bom do Juíz pergunta-lhe então qual o respectivo sexo?O réu não percebeu...e o juíz querendo ajudar o pobre homem alvitrou se era do sexo masculino ou feminino?O réu respondeu de imediato..." não é marcolino nem firmino...é intónho (antónio) ´que é o nome do pai..."

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. LICOR DE VINHO

. ARROZ DE LAPAS

. OVOS VERDES II

. OVOS VERDES

. STROGONOFF

. PATÉ NO PÃO

. Bom 2015

. 2 DOS MEUS AMORES

. ANÍS CASEIRO

. DOCE DE MIRTILO

.arquivos

. Outubro 2016

. Janeiro 2016

. Maio 2015

. Abril 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Setembro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Março 2011

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

.Contadores

Free Web Counter
Free Web Counter



online
blogs SAPO

.subscrever feeds