Segunda-feira, 11 de Julho de 2011

RECEITA DE PERU DEFUMADO

Tinham-me oferecido umas lindas, viçosas e grandes cabeças de nabo que além de nutritivas fazem uma bela sopinha para os dias frios que certamente virão. Apenas um pequeno senão, nós só temos uma congeladora vertical e os congeladores dos dois frigoríficos e, estão cheios… então fez-se luz na minha cabecinha loura, vou tirar um peru inteiro e assim já consigo espaço para uma cabeça de nabo, melhor ainda, vou defumar o peru com louro e depois, asso-o no forno, deve ficar muito agradável, ao pequeno almoço substituo-o pelo fiambre. Então mãos à obra…

… que é como quem diz, tirar o bicho do congelador e colocá-lo a descongelar na prateleira inferior do frigorifico.

No dia seguinte, num recipiente grande, coloquei uma mão cheia de sal, um limão e uma laranja aos gomos, com casca e tudo, uns dentes de alho golpeados em cruz, um a colher ( chá) de pimenta branca, um pouquinho de vinagre de vinho branco e um pequeno cálice de vinho do Porto, juntei um pouco de água e mexi bem para dissolver o sal e misturar os sabores dos citrinos. Agarrei no peru e debaixo da torneira dei-lhe um bom banho, depois foi para o recipiente, ao qual juntei mais água até a ave ficar submersa dentro do possível, devido ao tamanho do alguidar, não deu para ficar completamente marinado. No dia seguinte voltei-o de barriga para baixo e ai ficou até ao outro dia. Dia de ir a banhos de fumo de louro. Assim, tirei-o de manha da marinada em que  esteve no frigorifico e ficou a escorrer, foi fazendo umas brasas e apanhar os galhos de louro e fui tratando de o ir virando. O bichinho estava lindo, com uma cor de canela pálida, corria tudo muito bem até eu ir da garagem, onde decorria esta acção até à cozinha do primeiro andar e, claro distrai-me a conservar como os que se levantaram tarde, pois eu tinha-me levantado às 7 horas, isto num sábado, e por causa dos dormicos e de eu ser uma tagarela distraí-me e o bicho ficou um bocado, digamos para o bem passado. Mas o sabor ficou muito muito bom, divinal como dizem os provadores oficiais cá em casa.

A experiência é para repetir, ou não tivesse eu outro peru no congelador a ocupar espaço.

 

publicado por saoloira às 15:40
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

AGRADÁVEL SURPRESA

Que agradável surpresa o destaque do saoloira,

 obrigada à equipa do Sapo,

{#emotions_dlg.lips}

publicado por saoloira às 12:50
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 7 de Julho de 2011

DOCE OFERTA

Andava eu atarefada, como sempre, a colocar a roupa no estendal do terraço, quando ouço um zumbido forte, um vai e vem de abelhas, também elas muito atarefadas só tomei atenção para não ser picada e não pensei mais no assunto

Quando cheguei à cozinha, junto às janelas, várias abelhas voavam junto aos vidros, a medo lá abri a janela e tentei dar uma ajuda, pois pareciam estar com pouca vontade de sair dali, quando mais eu colocava pela janela, mais entravam pela porta, pela chaminé e mesmo pela janelas, saía uma entravam duas ou três. Por sorte uma vizinha vinha com a neta pequena visitar-nos e eu, com vergonha disse que tínhamos que ir para a garagem, pois tinha a casa cheia de abelhas e, estava mesmo na garagem a fazer as brasas para o churrasco do almoço. Quando regressei à cozinha para buscar o frango para o almoço, a quantidade de abelhas era impressionante, tentei pô-las fora pela porta e janela, mas algumas resistiam à expulsão, com muita pena tive que recorrer à violência e, coloquei insecticida nos aros exteriores de porta janelas e ainda em volta do chapéu da chaminé, para as desencorajar a invadir a minha cozinha.

Estava o frango na brasa, ouço um barulho ensurdecedor, fui espreitar eram milhares delas junto a uma arrecadação que temos lá.

Como conheço um senhor que é apicultor, a quem compro o mel, disse o que se passava ele ficou de lá ir busca-las, e foi ontem à tarde, diz que elas já fizeram cera e mel, dai o cheiro a flores lá dentro quando espreitei, e deve ser do castanheiro que está no lado de fora da arrecadação, que por acaso fui eu que plantei às uns anos...

Trabalhadoras elas hein, em menos de 15 dias já fizeram a casinha delas e ainda o mel, que fixe esta doc oferta{#emotions_dlg.happy}

publicado por saoloira às 11:35
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Quarta-feira, 6 de Julho de 2011

PUDIM DE PÃO DE CHOCOLATE

As horas tal, como os dias e mesmo os meses, passam a uma velocidade impressionante, as 24 horas do dia não chegam para despachar tudo o que tem que ser feito, transitando para o dia, ou dias seguintes o de menor urgência. Assim, tempo para ir para a cozinha é limitado e, mais o é para vir ao blog…

As poucas coisas que tenho feito, resumem-se ao básico, aquilo que todos sabemos fazer, com uma pequenas nuances que como tal nem merecem referencia.

Os pontos que sobressaem são tão poucos, mas que ainda assim, vão ser publicados por várias vezes, como um pudim de pão de chocolate delicioso, retirada a receita do mesmo sítio da anterior e que logo que tenha um tempinho vou voltar a fazer, pois além de muito bom, os ingredientes são praticamente os que temos sempre em casa

Aqui fica a receita, o que está a itálico foi o que alterei da receita original do Coco e Baunilha

 

Pudim de Pão de Chocolate

 

250g de pão duro (usei caseiro)

600ml de leite

4 ovos

125g de açúcar

150g de chocolate negro ( usei pastilhas de chocolate Belga negro)

1 colher (sopa) de açúcar baunilhado

Essência de baunilha (usei  caseira)

Aquecer o leite com os açúcares e a essência. Colocar no liquidificador e juntar o pão aos bocados, misturar na velocidade máxima, juntar o chocolate derretido e os restantes ingredientes e misturar tudo até obter um creme homogéneo sem grumos. Colocar numa forma forrada com papel vegetal ou de silicone e levar ao forno pré-aquecido a 180ºC até estar bem compacto (cerca de 45 minutos).

publicado por saoloira às 18:25
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. LICOR DE VINHO

. ARROZ DE LAPAS

. OVOS VERDES II

. OVOS VERDES

. STROGONOFF

. PATÉ NO PÃO

. Bom 2015

. 2 DOS MEUS AMORES

. ANÍS CASEIRO

. DOCE DE MIRTILO

.arquivos

. Outubro 2016

. Janeiro 2016

. Maio 2015

. Abril 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Setembro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Março 2011

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds