Sexta-feira, 4 de Maio de 2007

Rissóis e almofadinhas da D. Alvarina

O tempo está óptimo , mais para verão do que para primavera, já "cheira" as Sanjoaninhas , que vão decorrer de 22 de Junho a 1 de Julho , e nós já começamos a pensar nos " comes e bebes" para os amigos que vem a nossa casa para ver os desfiles. Já postei os croquetes de carne, hoje serão colocados os rissóis e as almofadinhas. Outras receitas de salgadinhos se seguirão e tb de doces, claro

 

Rissóis de camarão

Massa

2 chávenas de farinha (bem cheias);
2 chávenas de água;
1 c (sopa) de manteiga;
1 casca de limão;
sal;

 

Leva-se a água ao lume com a manteiga, a casca de limão e um pouco de sal. Assim que a água ferver em cachão retira-se o tacho do lume e de uma só vez deita-se dentro a farinha.
Mistura-se energicamente com a colher de pau e leva-se o tacho novamente ao lume, com a chama fraca, mexendo a massa sem parar. Isto serve para tirar toda a humidade à massa.
Assim que a massa se apresentar bem seca e com aspecto duma bola retira-se do lume e deita-se sobre a mesa e trabalha-se até arrefecer, coberta com uma toalha de cozinha, evitando assim que se forme uma crosta.
Deixa-se descansar durante 20 minutos.
Passado esse tempo estende-se a massa com um rolo. Normalmente não é preciso polvilhar a massa com farinha para a tender, mas se esta se agarrar ao rolo e à pedra polvilha-se muito ligeiramente com farinha e com uma escova macia retira-se todo o excesso de farinha.
Estando a massa estendida muito fina dispõem-se sobre ela montinhos de recheio que se cobrem com a massa dobrando-a. Corta-se com o auxílio dum copo, corta-bolachas ou qualquer outro objecto redondo. Passam-se os rissóis por ovo batido, depois por pão ralado e fritam-se em óleo bem quente.

Recheio

50 camarões ;
1 cebola;
1 raminho de salsa;
4 c (sopa) de farinha;
4c (sopa) de margarina;
500ml de água de cozedura;
100ml de leite;
Sal e pimenta;

Cozem-se os camarões em água temperada com sal e descascam-se. Pisam-se as cascas e as cabeças e levam-se a refogar com metade da cebola picada e 1 colher de sopa de margarina.
Cobrem-se com água e deixa-se ferver. Côa-se.
Entretanto pica-se a outra metade da cebola muito finamente e leva-se a alourar com a restante margarina (3 colheres). Polvilha-se com a farinha, deixa-se cozer um pouco e rega-se com a água de cozedura e o leite. Deixa-se cozer o creme até estar bem espesso. Tempera-se com sal e pimenta e junta-se a salsa picada e os camarões aos pedaços pequenos.
Deixa-se arrefecer antes de utilizar.


NOTA: Prepara-se primeiro o recheio, para este ir arrefecendo

Almofadinhas de atum

Massa

400 g de farinha de trigo
50 g de manteiga amolecida
15 g de fermento de padeiro em pó (Fermipan)
1 dl de leite morno
1 ovo
1 pitada de sal
farinha q.b.

Recheio

1 cebola picada
2 dentes de alho picados
1 tomate maduro picado
2 latas pequenas de atum em óleo
1 colher (sopa) de salsa picada
sal e pimenta
1 colher (chá) de sumo de limão ou vinagre
óleo q.b.

Diluir o fermento no leite morno.
Amassar a farinha com a manteiga. Juntar o leite com fermento e o ovo. Temperar com o sal e amassar novamente. Se for necessário, adicionar um pouco de água morna.
Formar uma bola e deixar repousar por 35 minutos dentro de uma tigela polvilhada de farinha, num local aquecido e ao abrigo de correntes de ar e tapada.
Escorrer o atum, reservando o óleo. Aquecer 0,5 dl do óleo do atum numa frigideira. Refogar a cebola e os alhos picados. Juntar o tomate picado e deixar reduzir um pouco. Adicionar o atum previamente desfeito às lascas e borrifar com o sumo de limão. Temperar com sal, pimenta e a salsa picada. Envolver e deixar amornar. Estender a massa com o auxílio de um rolo na bancada polvilhada de farinha, formando um quadrado. Recortar 8 rectângulos na massa. Distribuir o recheio de atum pelos rectângulos de massa. Dobrar, formando quadrados. Pressionar as bordas com as pontas dos dedos para fechar. Aquecer um pouco de óleo numa frigideira anti-aderente. Juntar as almofadinhas e dourar de ambos os lados até ficarem levemente estaladiças. Escorrer muito bem sobre papel absorvente. 
publicado por saoloira às 15:43
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 3 de Maio de 2007

Bolo Cigano

A pedido de um amigo aqui fica a receita, deste saboroso bolo, que era preparado com muita frequencia, quando ele era pequeno, entretento a mãe perdeu a receita.Apesar de não o saborear à largos anos o  Hugo não se esqueceu dele.

Agradeço à amiga kida que me deu a receita, ainda não o fiz, parece m uito fácil de confeccionar e a acreditar no Hugo e na Ana, que dizem ser muito saboroso

2½ chávenas de farinha 

2½ chávenas de açúcar amarelo

1 colher (sopa) de canela

1 colher (café) de fermento em pó

¾ chávena de café

½ chávena de azeite

3 ovos

Raspa de 1 limão

 

Bata todos os ingredientes com a batedeira até obter um creme fofo. Deite a mistura numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha. Leve a cozer em forno quente durante 40 minutos.

publicado por saoloira às 13:22
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 2 de Maio de 2007

PUDIM DE BOLACHA


1 lata de leite condensado
a mesma medida de leite

4 gemas
1 colher chá de farinha maizena
+ / - 30 bolachas Maria
Chocolate em pó q.b.

Mexe-se o leite condensado com a farinha maizena e as 4 gemas. Adiciona-se o leite e vai ao lume até ficar em creme.

Faz-se um creme não muito espesso com o chocolate em pó e um pouco de água quente. Molha-se nele as bolachas dispõe-se numa taça e por cima vai levando o1º creme. Depois sempre em camadas de bolachas passadas no creme  de chocolate e por cima o outro creme. Isto até acabar o 1º creme.
Por fim polvilha-se com canela em pó.
Vai ao frigorifico.

publicado por saoloira às 22:40
link do post | comentar | favorito

Bacalhau à Brás

Hoje de manha fiz um bacalhau à Brás par o Vasco levar, para o continente, ele foi hoje no voo da manha, e assim não era necessário estar a preparar jantar, pois este prato não perde nada em ser preparado com antecedência e depois aquecer no microondas. Pode-se dizer que é um prato que é bom em tudo, é super fácil e rápido de confeccionar, é muito bom, não é muito dispendioso ( uso as batatas de compra, se fossem feitas em casa seria mesmo um prato económico), agrada a toda a família. Faço sempre doses industriais, o Vasco já papou uma dose e diz que está muito bom.

 

Faço assim:

4 postas de bacalhau

4 cebolas médias / grandes

5 dentes de alho

12 ovos

louro a gosto, geralmente 1 folha

azeitonas qb

salsa ou coentros

1 embalagem grande de batata palha de compra

azeite q.b.

 

Escalda-se o bacalhau  deixa-se arrefecer tira-se as espinhas e desfia-se , geralmente faço em lascas, reserva-se. Descasca-se as cebolas e os alhos e corta-se em meias luas. Põe-se o azeite ao lume na frigideira e põe-se as cebolas e os alhos quando ficam transparentes põe-se o bacalhau dentro, dá-se umas voltas para ele embeber no azeite depois põe-se as batatas, mais umas voltas para incorporar todos os ingredientes, ovos batidos para cima, mexe-se para os ovos cozerem e ligarem-se aos outros ingredientes põe-se as azeitonas, mistura -se tudo, Polvilha-se com a ver durinha . Serve-se imediatamente.

É uma delicia

publicado por saoloira às 19:08
link do post | comentar | favorito

PUDIM GELADO DE NATAS

125 gr de fruta em calda
5 ovos
5 colheres de sopa de açúcar
250 gr de natas frescas
Molho de chocolate q.b.

Bata as gemas com o açúcar até obter creme fofo e volumoso.
Bata as claras em castelo.
Bata as natas em chantilly.

Corte a fruta em calda.

Misture primeiro as natas com a gemada, depois as frutas, e por fim as claras em castelo, misturando delicadamente, debaixo para cima sem bater.
Deite numa forma grande, previamente molhada, e leve a congelar.
Depois desenforme, aquecendo ligeiramente a forma.
Sirva coberto com molho de chocolate.

Para os dias em que já apetece algo fresquinho

publicado por saoloira às 19:00
link do post | comentar | favorito

1º de Maio, a tradição ainda é o que era...

...Este dia, 1º do mês 5, sempre foi feriado na ilha Graciosa, mesmo antes da sua proclamação como dia do trabalhador e consequente feriado nacional. Toda a população graciosense faz as suas merendas e parte para divertimento colectivo...os amigos juntam-se, organizando e churrascos e pescarias...Anteontem à tarde no Barro Vermelho, havia pessoas a armar tendas e no sábado , no Carrapacho os srs. responsáveis pelo parque de campismo estavam muito atarefados no corte da relva, nós é que não sabíamos que o pessoal ia para lá " pic-nicar ", ontem também houve uma tourada à corda na Praia à semelhança do que acontece na Terceira, maios não vi nenhum na Graciosa , o que não quer dizer que os não houvesse.

Na terceira, ando chegamos às 17.35 , tinha vindo no nosso voo o sr . S oferecemos -lhe boleia e depois dele ter vindo aki a casa fomos todos para o emocion tomar uma imperial com tremoços , depois de decidir-mos onde ir jantar pusemos pés a caminho, que a barriguita já tava a dar horas, chegamos ao restaurante, que parece que serve o melhor peixe da ilha e arredores, nunca lá tinha comido, de todos nós só a minha irmã e o sr S é que conheciam, chegados lá com o apetite redobrado de tantos elogios e da caminhada a pé pois fomos a na auto pata, por que é logo mais acima da minha casa, demos com o nariz na porta... Outra reunião de emergência pelo caminho, regressamos quase ao ponto de partida que tinha sido no pátio de Alfandega, rumamos à casa do peixe, mais uma dose de fome, mais uma fechada... fiz um ultimato, " NÃO ANDO MAIS A PÉ " saltamos para o carro e fomos ao Porto Judeu, comi lulas grelhadas com batata cozida e salada, pois a minha 1ª opção estava esgotada e era... lombo de tubarão... pois é fiquei fã do assassino dos mares.

Ontem começou a temporada das tradicionais touradas à corda, a minha irmã disse que ia haver 5 , na ilha, mas o taxista que nos levou até ao aeroporto na Graciosa disse iam ser 8 touradas no minha ilha, sendo 5 ou sendo 8 o que é facto é que houve muito divertimento, e na Praça Velha deve ter havido concurso de maios , pois tinha lá muitos quando viemos do aeroporto

publicado por saoloira às 13:53
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. LICOR DE VINHO

. ARROZ DE LAPAS

. OVOS VERDES II

. OVOS VERDES

. STROGONOFF

. PATÉ NO PÃO

. Bom 2015

. 2 DOS MEUS AMORES

. ANÍS CASEIRO

. DOCE DE MIRTILO

.arquivos

. Outubro 2016

. Janeiro 2016

. Maio 2015

. Abril 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Setembro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Março 2011

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds