Terça-feira, 21 de Novembro de 2006

Verão de S. Martinho

Finalmente o verão de S. Martinho chegou, mas já no domingo, espero k se aguente por uns bons dias, é k ainda ando nas limpezas de Outono e uns dias de sol e calor ajudam nbsp ;não para as tarefas de limpar, lavar, secar, arejar mas tb ao animo, com o céu azul e o sol a brilhar parece k é tudo muito mais rápido, pode ser só ilusão, mas eu gosto e pronto então estou a aproveitar ao máximo, Só k são duas casas dá trabalho para chuchu, na casa de campo estou a lavar outra vez as mantas e todas as outras roupas de cama pk tava a porta de um roupeiro um pouco aberta e entrou pó de certeza e se quisermos ficar algum dia lá em cima no inverno temos tudo lavado.

Enquanto a máquina está a lavar, eu ando a apanhar feijão verde, araças a arrancar umas ervas daninhas ( ou ervas doninhas , como diz o meu amigo Carlinhos , moços da cidade, eheheh , para pôr as galinhas. Tem sido uma trabalheira, mas nem assim eu emagreço, mas tb como k nem uma alarve, 1 kg de gelado de nata e noz nbsp ;durou de 2ª a 5ª feira, mas tb era tentador...vamos lá ver agora se faço uma dieta para saborear as comidinhas da época natalícia ...

No domingo fomos almoçar ao clube de golfe, está em obras mas a sala de jantar nova já foi inaugurada, tá fixe mas não tem as lareiras k a outra tinha e k no inverno eram bué aconchegantes, é pena, esta nova sala tem mais luminosidade do a anterior pois é envidraçada em 2/4 das sua estrutura, nbsp ; o ambiente envolvente tá nbsp ; acolhedor, tem algum requinte...mas ainda estão a ultimar alguns pormenores . Tem uma esplanada engraçada , depois de tudo pronto vai ficar bom...

Ontem fizemos uma pausa à tarde e fomos dar um passeio aos biscoitos, temos lá uns pedacinhos de terreno, lá no sopé do monte, na crista da montanha como diz a minha irmã, trouxemos espinafres com uma parte a minha mãe fez sopinha, nbsp ; a outra foi para o congelador e eu amanha devo fazer esparregado.

Quero fazer doce de araça, vamos lá ver se tenho frutinhos suficientes, se não vou crava-los à minha tia k ela tem bué

publicado por saoloira às 23:42
link do post | comentar | favorito
Domingo, 19 de Novembro de 2006

Aniversário

...não, não é o meu, é o do 1º hipermercado cá da zona, k faz hoje 10 anos de existência e muita história para contar...então é assim:

no 2º /3º dia de existência desta superfície comercial (novidade para mts das pessoas cá da ilha, habituados só a supermercados, minimercados e mercearias ) uma senhora das freguesias ( o mesmo k saloia, para os lisboetas antigamente) passa pela moça k está no caixa entrega-lhe 5.000$00 ( sim ainda foi no tempo dos escudos k isto se passou eheheh ) e bassa toda contente com o seu carrinho. A moça do caixa muito aflita ainda a chamou:

- Oh senhora, oh senhora!!!!!!!!!!!!!!!! 

Mas nada, a mulher sempre a andar porta fora. A rapariga do caixa vai atrás da mulher do carrinho e diz-lhe:

-Oh senhora isto ( apontando para as compras  k estavam dentro do carrinho ) tem k passar todas pelas minhas mãos para se fazer a conta e então depois é k paga, não dar-me 5 contos e andar...!!!!!!!!!!!!!!

Ao k a compradora responde

-Ah ñ é  ñ pk ainda onte cando isto abriu a minha vizinha Estrudes veio aki no altomóve do seu rapaz k é doitor aqui na cidade e levou um carrinho desses cheios por 5 contos... Deve ter sido com outra empregada, vocemecê tá mal informada... e eu já tou a perder mt tempo com conversas ainda fico sem agarrar um carro de praça ( tá xi ) por culpa de empregadas ingonrantes , tá me parcendo k ñ venho aki cede por conta de seres uma malcriada os tês patrãs haveram   saber desse episódio...

Bem parece k a coitada da funcionária ainda levou um bocado de tempo e paciência para convencer a dita criatura, dos procedimentos habituais.. lolol

Outra situação engraçada aconteceu,  tb no caixa, quando na hora de pagar a conta, esta era superior ao crédito, então passou-se o seguinte:

Moça do caixa " ... são $$$$"

O chefe daquela familia, já amarelo, vermelho e cinzento puxa da carteira, coça a cabeça e diz para a esposa " Qanto tens no teu porta-moedas?"

Ao que ela respondeu, disseste bem porta-moedas, antão eu só tenho umas moedas, por as notas andas tu com elas"

E o marido diz para a moça do caixa: Olha temos gaveto k chegue assenta ai que eu ou a minha Maria vimos cá no fim do mês qando eu arreceber a féria."

A moça do caixa acha k ñ ouviu bem e pergunta: "O QUÊ????"

ao k responde a Maria " Nã ouviste o mê home???!!!! a gente vamos levar fiado, assenta aí.."

A moça do caixa lá os consegiu convencer de k nas grandes superficies ñ havia fiados como nas mercearias das suas santas terrinhas, o passo seguinte, foi:

Moça do caixa- " Como ñ têm $ k chegue, devem retirar alguns produtos, para baixar a  conta"

Responde logo a cliente " Eu nã posso retirar nada do k  meti no carrinho, tira tu o k pusseste" diz ela ao marido. E este responde " tás tonta as minhas cervejas e o vinho, nã nã,  o rapaz k tire."

E o rapaz disse logo "Os meus chocapis, os meus rebuçados, os meus chocolates nã saem do carrinho, minha mãe que tire os infeites do natal que ainda falta muito tempo, depois compra outros"

Parece k a discussão foi geral naquela familia pois nínguem queria abrir mão do que tinha escolhido, mais uma vez foi a moça do caixa k teve k resolver a situação, agarrou nuns tantos produtos, fez a conta e disse "  Nos hipermercados depois da conta feita ñ se +pode voltar atrás , paguem pk tem uma fila grande de clientes à espera"

Mais havia para contar mas já tou com soninho, por isso fica aki esta amostra das gentes da minha terra e da sua maneira de falar que é pena já estar a cair em desuso...Assim as palavras k estãoem itálico são a maneira tradicional dos povos do monte.

 

publicado por saoloira às 23:06
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Pão com Maçãs, Cerejas secas e Amêndoas

Ingredientes:

50g de flocos de aveia

300ml de leite em temperatura ambiente

240g de farinha de trigo ( 100 de farinha com fermento e 140 de farinha de trigo integral)

2 colheres de chá de fermento de bolo

125g de cerejas secas

50g de maçãs secas picadas

75g de açúcar mascavodo

1 colher de chá de canela em pó

3 colheres de sopa de mel

1 ovo batido levemente

3 colheres de sopa de amêndoas picadas grosseiramente ou em lascas mais um pouco extra para se colocar por cima da massa

Preparo:

Pre-aqueça o forno – 200oC. Unte e forre uma forma de pão inglês de 1 litro com papel manteiga e reserve.

Peneire a farinha e fermento numa vasilha, acrescente a aveia depois de passados os 30 minutos, assim como as frutas secas, amêndoas, açúcar, canela, mel, ovos e amêndoas picadas. Misture tudo bem com o garfo – para manter uma consistência como de mufin. Ponha as amêndoas extras por cima antes de levar ao forno.

Coloque a mistura na forma preparada e leve ao forno por 45 minutos. Retire do forno e deixe arrefecer  na forma até chegar a hora de tirar o pão.


PÃO DE MILHO COM QUEIJO FETA E AZEITONAS


2 chávenas de café de farinha de milho 

1 chávena de café de farinha de trigo 

3 ovos 

1 chávena de café de iogurte natural 

3/4 chávena de café de óleo (de milho ou girassol) 

1 colher de sopa de fermento em pó 

 sal 

 1 chávena de café de queijo feta esmagado 

 1/2 chávena de café de azeitonas pretas turcas descaroçadas e cortadas às rodelas 

 1 colher de chá de pimenta vermelha 

 sésamo preto para polvilhar
Bata os ovos e adicione os restantes ingredientes. Misture bem. Unte com óleo e polvilhe com farinha uma forma redonda de pirex (de preferência). Coloque a massa na forma e polvilhe com sésamo preto. Leve a cozer em forno pré-aquecido a 150º durante cerca de 30 minutos.


PÃO DE MILHO E LIMÃO

1 copo de farinha de milho 

 1 copo de farinha de trigo 

 1 colher de sopa de fermento 

 1/2 colher de chá de sal 

 1 1/4 copo de leite 

 2 ovos 

 1/4 copo de óleo 

 raspa de 1/2 limão
Misture todos os ingredientes líquidos. Adicione as farinhas, o fermento, o sal e a raspa de limão e misture bem. Coloque a massa numa forma redonda untada com óleo. Coza em forno pré-aquecido a 170º durante cerca de 40 minutos.

 

PÃO COM SEMENTES E AZEITONAS

1 colher de sopa de fermento padeiro em pó * 1 ovo * 3 colheres de sopa de iogurte * 20 azeitonas pretas turcas * 1 colher de sopa de sementes de linhaça * 2 colheres de sopa de sementes de papoila * 5 copos de farinha * 1 copo de leite * 50 ml de óleo * 1 pitada de sal * 1 colher de sobremesa de açúcar
Dissolva o fermento e o açúcar num copo de leite morno. Misture o iogurte, o óleo, o ovo, a farinha e o sal e adicione a mistura do fermento com o açúcar e o leite. Amasse bem. Cubra a massa com um pano e deixe levedar durante 40 minutos. Depois, adicione as azeitonas descaroçadas e cortadas às rodelas, as sementes de linhaça e as sementes de papoila. Amasse um pouco mais e forme uma baguete comprida e larga.
Unte uma forma rectangular ou assadeira com óleo e coloque dentro a massa. Leve a cozer em forno pré-aquecido a 175º durante 20 minutos.


PÃO FRITO

 

4 copos de farinha * 1 copo de água morna * 1 colher de sobremesa de fermento padeiro seco * 1 colher de sobremesa de açúcar * 1 copo de tahine * sal * óleo para fritar
Dissolva o fermento e o açúcar num copo de água morna. Deixe repousar esta mistura durante 15-20 minutos à temperatura ambiente, até aumentar de volume.
Peneire a farinha e abra um buraco no centro. Coloque lá dentro o sal e a mistura da água com o fermento e o açúcar. Amasse bem a massa, adicionando a quantidade de água morna necessária para obter uma massa mole.
Cubra a massa com um pano húmido e deixe-a repousar à temperatura ambiente até aumentar de tamanho. Estenda a massa com um rolo até obter dois a três milímetros de espessura.
Espalhe o tahine por cima e dobre a massa em quatro, criando quatro níveis. Abra a massa outra vez com o rolo e proceda da mesma forma, dobrando a massa em quatro. Divida a massa em oito ou 10 porções iguais, e estenda cada uma com o rolo dando-lhe a forma e o tamanho de um prato de sobremesa.
Aqueça o óleo numa frigideira e frite cada porção de massa. Sirva quente ou morno.

 

ROSCAS DE MANTEIGA
250 g de manteiga ou margarina * 25 ml de óleo * 4 copos de farinha * 1 copo de açúcar em pó
Derreta a margarina e deixe-a arrefecer. Adicione o açúcar em pó e o óleo e bata bem.
Junte a farinha e amasse. Retire porções de massa do tamanho de um ovo, forme rolos com a espessura de um dedo e dê-lhes a forma de roscas.
Coloque-as num tabuleiro untado e polvilhado e leve a cozer em forno pré-aquecido a 170º.

 

BAKLAVA COM NOZES ( CEVIZLI BAKLAVA )
1 kg de farinha * 40 g de manteiga derretida * 4 ovos * 1 copo de água * 3 copos de nozes picadas * 1 pitada de sal

Para a calda:

1 1/2 kg de açúcar * sumo de 1 limão * 5 copos de água

Primeiro prepare a calda. Leve ao lume o açúcar e a água e deixe levantar fervura. Continue a cozinhar durante mais 5 minutos em lume brando. Retire do lume, adicione o sumo de limão e deixe arrefecer.
Entretanto, prepare a massa. Misture a farinha, os ovos, a água e o sal e amasse bem. Separe 12 porções de massa e estenda-as com o rolo da massa até obter uma espessura muito fina. Coloque 6 das porções de massa umas sobre as outras, intercaladas com a manteiga derretida e com as nozes picadas. Faça o mesmo com as outras 6 porções de massa. Cubra a superfície da última porção de massa com a restante manteiga derretida. Com uma faca molhada, corte os dois blocos de massa na diagonal, no sentido longitudinal e transversal, de forma a obter bolinhos em forma de diamante. Coloque numa assadeira untada com manteiga e leve ao forno pré-aquecido a 180º durante 20 minutos. Retire a baklava do forno e corte novamente com uma faca. Com uma colher de sopa, cubra a baklava quente com a calda morna. Para obter melhores resultados, deve colocar a calda nas áreas onde a baklava foi cortada. Quando a baklava absorver toda a calda, pode servir.


BAKLAVA DE ÇORUM
Para a massa:


4 copos de farinha * 3 ovos * 50 ml de leite * 50 ml de óleo * 3 colheres de sopa de iogurte * sal

Para o recheio:


2 copos de nozes picadas * 250 g de margarina

Para a calda:

7 copos de açúcar * 8 copos de água

Abra um buraco no centro da farinha e coloque dentro os ovos, o leite, o óleo, o iogurte e uma pitada de sal e amasse bem.
Separe a massa em 20 porções iguais e forme bolas. Estenda essas porções de massa com o rolo até obter uma espessura muito fina.
Polvilhe com um pouco de farinha. Prepare o recheio. Derreta a margarina e reserve 50 ml. Pincele cada porção de massa com a margarina.
Cubra cada uma com as nozes picadas. Enrole-as formando cilindros. Pressione as extremidades para obter uma maior espessura.
Desenhe curvas com um garfo na superfície de cada rolinho. Coloque-os num tabuleiro untado e polvilhado.
Aqueça a margarina que reservou e regue os rolinhos. Leve ao forno pré-aquecido a 200º até estarem tostadinhos.
Prepare a calda. Ferva o açúcar com a água até obter uma mistura com alguma consistência.
Retire do lume e deixe arrefecer. Retire o tabuleiro do forno e cubra a baklava com a calda fria.
Quando absorver a calda está pronta a servir.

 

 

 

 

 
publicado por saoloira às 00:15
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 14 de Novembro de 2006

Centro de mesa com os legumes biologicos da quinta

publicado por saoloira às 22:48
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Uma oferta do primo Jaime

publicado por saoloira às 22:33
link do post | comentar | favorito

Um ramo de cedro numa jarra na janela da cozinha

 

publicado por saoloira às 22:29
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Recordação das férias no Alentejo...

...Sim são lindas as pedras alentejanas, estão no parapeito da sala de estar, misturadas com outras pedras igualmente bonitas, mas estranjeiras, como a pedra rosa do deserto de origem africana e outras provavelmente brasileiras. Ao fundo o meu quintal

publicado por saoloira às 22:27
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. LICOR DE VINHO

. ARROZ DE LAPAS

. OVOS VERDES II

. OVOS VERDES

. STROGONOFF

. PATÉ NO PÃO

. Bom 2015

. 2 DOS MEUS AMORES

. ANÍS CASEIRO

. DOCE DE MIRTILO

.arquivos

. Outubro 2016

. Janeiro 2016

. Maio 2015

. Abril 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Setembro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Março 2011

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds